Secretaria de Estado da Saúde

A A A Tamanho do texto

Carreta da mamografia fica em Porto Ferreira até dia 10 de março

Veículo ficará na cidade até sábado para atender mulheres a partir dos 50 anos, sem necessidade de pedido médico

Veículo ficará na cidade até sábado para atender mulheres a partir dos 50 anos, sem necessidade de pedido médico

A carreta-móvel do programa “Mulheres de Peito”, da Secretaria de Estado da Saúde, ficará no município até o próximo sábado dia 10, sendo que os dois últimos dias (9 e 10 de março), serão reservados para mulheres chamadas para fazer exames complementares.

Mulheres entre 50 e 69 anos, que estão mais propícias a desenvolver o câncer de mama, não precisam de pedido médico para realizar o exame na carreta, basta chegar e fazer. Pacientes com menos de 50 anos também podem realizar o exame nas unidades móveis, porém, precisam ter em mãos o cartão do SUS, o RG e um pedido médico.

O resultado dos exames ficam prontos em até 48 horas após realização do procedimento. As imagens captadas pelos mamógrafos são encaminhadas para o Serviço Estadual de Diagnóstico por Imagem (Sedi). O veículo é equipado com aparelho de ultrassom, mamógrafo, conversor de imagens analógicas em digitais, impressoras, antena de satélite, computadores, mobiliários e sanitários.

A carreta está na Praça Ana Maria Libertucci Salzano – em frente a rodoviária (acesso pela Rua Nelson Pereira Lopes). A carreta oferece exames de mamografia de segunda à sexta-feira, das 9h à 18h, e aos sábados, das 9h às 13h, exceto feriados.

Pedido médico

Para as mulheres entre 50 e 69 anos de idade, não há necessidade de pedido médico de mamografia para a realização do exame nas unidades móveis. Pacientes fora dessa faixa etária também poderão realizar os exames, desde que tenham em mãos um pedido médico que pode ter sido emitido tanto pela rede pública quanto particular.

“O câncer de mama é a maior causa de morte por tumores em mulheres no Brasil e também em São Paulo. O objetivo desse programa é ampliar e facilitar o acesso das mulheres ao exame de mamografia e, consequentemente, agilizar o diagnóstico e tratamento para a doença que possui grandes chances de cura se for descoberta e tratada precocemente”, afirma o secretário de Estado da Saúde de São Paulo, David Uip.

A iniciativa da Secretaria tem como objetivo ampliar o acesso e incentivar as mulheres a realizarem exames de mamografia pelo SUS (Sistema Único de Saúde) em todo o Estado. Para isso, as carretas percorrem os municípios paulistas ininterruptamente.

 

Comunicar Erro




Enviar por E-mail






Colabore


Obrigado