Instituto de Saúde

A A A Tamanho do texto

Especialização

Programa de Especialização em Saúde Coletiva

 

                                        Processo seletivo 2022

O Centro de Formação de Recursos Humanos para o SUS/SP "Dr. Antônio Guilherme de Souza" através do Instituto de Saúde anuncia a abertura das inscrições para o processo seletivo do curso de Especialização em Saúde Coletiva que será iniciado em 2022.

 

O curso oferecerá 20 vagas para bolsas de estudos e terá a duração de 1 ano. De natureza multiprofissional, podem se inscrever graduados de quaisquer áreas, à exceção dos cursos de medicina, com até 5 anos de formação e estudantes que concluírem a graduação, excepcionalmente para este processo seletivo, até 31 janeiro de 2022, com bolsas de estudo fornecidas pela SES-SP.

 

As inscrições deverão ser realizadas no período de 3 de novembro de 2021 a 8 de dezembro de 2021, com início às 8 horas do dia 3 de novembro e término às 23:59 horas do dia 8 de dezembro (horário de Brasília).

 

Os interessados devem realizar o pagamento da taxa no valor de R$ 50,00 (cinquenta reais), por Depósito Identificado (nome e CPF do candidato), exclusivamente em agências físicas do Banco do Brasil. Após o pagamento, o candidato deverá preencher o formulário de inscrição (clique aqui). Somente após essas etapas o Instituto de Saúde confirmará a inscrição, via e-mail.

 

Sobre o processo seletivo, ele será efetuado em 2 fases:

 

Primeira fase: prova de conhecimentos específicos, que será dissertativa, com caráter eliminatório e classificatório a ser realizada em 16 de dezembro de 2021;

Segunda fase: análise de currículo, prova oral e entrevista, com caráter eliminatório e classificatório, prevista para o período de 17 de janeiro de 2022 a 21 de janeiro de 2022.

 

Os resultados de ambas as fases, assim como convocações, locais de prova e outras informações serão disponibilizados neste site. Recomenda-se fortemente a leitura completa do edital do processo seletivo publicado no Diário Oficial do Estado no dia 27 de outubro de 2021.

 

Sobre o curso

 

  • O curso terá duração de um ano, sendo que a carga horária prevista é de 1720 horas, correspondendo a 40 horas semanais.
  • O valor bruto da bolsa de estudo é de R$ 1.044,70 (hum mil e quarenta e quatro reais e setenta centavos) por mês – ano base 2021, fixada pela SES - SP. Incidirá sobre o valor bruto da bolsa de estudo o desconto da contribuição previdenciária e/ou quaisquer outros previstos em Lei. 
  • Durante o curso o aluno não poderá ter vínculo empregatício com instituições que recebam recursos do Sistema Único de Saúde – SUS.
  • Os alunos devem dedicar-se exclusivamente ao Curso durante os 12 meses previstos para sua conclusão.

                                 Publicações e informações importantes

 

27/out/21 -  Edital  (Publicado no D.O.E., 27/10/2021, páginas 70 e 71)

 

17/11/2021Resultado da Solicitação de Redução de Taxa

 

 

 

 

O Programa de Especialização em Saúde Coletiva (PAP) do Instituto de Saúde, em todo o seu período de implementação, teve como objetivo a formação de egressos de cursos das áreas da saúde e afins que pretendem aprofundar seus conhecimentos em Saúde Coletiva e atuar no Sistema Único de Saúde (SUS), com a proposta de que os alunos possam utilizar a pesquisa para a melhoria das práticas de gestão e cuidado em saúde.

 

Em 2017, o parecer do Conselho Estadual de Educação nº 382/2017 reconheceu o Centro de Formação de Recursos Humanos para o SUS, da Coordenadoria de Recursos Humanos da SES-SP, como Escola Superior. Nesse parecer, o Instituto de Saúde foi credenciado como uma Unidade Didática desta Escola Superior, juntamente com os Institutos Butantan, Adolfo Lutz e Pasteur. Com isso, o PAP foi certificado como Curso de Especialização em Saúde Coletiva, concretizando, assim, um anseio de longos anos dos profissionais de saúde do Estado.

 

O objetivo do curso é permitir que profissionais de saúde e áreas afins possam se especializar em Saúde Coletiva, qualificando-os para a prática profissional nas dimensões da gestão ou da atenção à saúde no âmbito do SUS. Os objetivos específicos do curso são: 

 

  • fornecer subsídios teóricos e práticos sobre o campo da Saúde Coletiva;
  • aprimorar os conhecimentos sobre as políticas de saúde no Brasil e sobre práticas de cuidado em saúde;
  • promover a reflexão sobre a relação entre as Ciências Sociais e Saúde Coletiva;
  • instrumentalizar os alunos para aplicação do método epidemiológico no âmbito dos serviços de saúde;
  • disseminar os conhecimentos sobre a ética em pesquisa, inovação em saúde, Avaliação de Tecnologias em Saúde (ATS) e Políticas Informadas por Evidências (PIE) e
  • aprimorar os conhecimentos dos alunos sobre o método científico como subsídio para elaboração do Trabalho de Conclusão de Curso.
  •  

Anualmente são formados 20 alunos a cada turma, que são contemplados com bolsas de estudo custeadas pela SES-SP.

 

O projeto pedagógico do Curso de Especialização preservou muitas características da estrutura curricular do antigo Programa de Aprimoramento Profissional (PAP), especialmente no tocante aos módulos teóricos e ao trabalho de campo. Com uma carga horária de 1.720 horas, das quais 560 horas são teóricas e 1.160 práticas, o curso está estruturado em três módulos: I - Núcleo Comum; II - Núcleo Específico Teórico e III- Núcleo Específico Prático.

 

O Núcleo Comum é compartilhado com as demais Unidades Didáticas, sendo composto pelas disciplinas de Políticas Públicas de Saúde, Metodologia de Pesquisa, Inovação e Ética.

 

Já o Núcleo Específico Teórico é implementado integralmente pelo Instituto de Saúde, sendo oferecidas as disciplinas de Políticas, Planejamento e Gestão do SUS; Práticas de Atenção à Saúde; Epidemiologia; Informação em Saúde; Ciências Sociais e Saúde; Pesquisa Qualitativa; Avaliação de Tecnologias em Saúde; Políticas Informadas por Evidências; Educação em Saúde e Comunicação em Saúde.

 

Um grande diferencial do Curso de Especialização do IS é a oportunidade que os alunos têm de desenvolver seus trabalhos de conclusão de curso (TCC) tendo como campo de práticas um Sistema Municipal de Saúde.

 

Por meio de parcerias entre o IS e Secretarias Municipais de Saúde, os alunos desenvolvem projetos de pesquisa aplicada, sob a orientação de pesquisadores, por demanda de gestores municipais para a resolução de problemas de saúde prioritários. Nos últimos anos, os municípios parceiros foram Embu das Artes, Santos e Franco da Rocha, onde atualmente os alunos estão inseridos em projetos no âmbito do município.

 

Como produtos da parceria entre o Instituto de Saúde e a SMS de Franco da Rocha, atualmente em andamento, podem ser citados um diagnóstico sobre condições de vida e situação de saúde; três documentos de sínteses de evidências para o enfrentamento de problemas prioritários de saúde; a realização de oficinas com profissionais da Atenção Básica sobre trabalhos em grupos educativos, saúde sexual e reprodutiva, manejo do diabetes mellitus e saúde mental; e a elaboração dos Cadernos de Atenção à Saúde Reprodutiva, Pré-natal, Parto e Puerpério e Assistência Farmacêutica, entre outros.

 

Corpo docente

 

Disciplinas

 

Pesquisa de egressos

 

 

PROCESSOS SELETIVOS ANTERIORES

 

Processo seletivo 2020

 

 

Comunicar Erro




Enviar por E-mail






Colabore


Obrigado